A ÉTICA DA PROFISSÃO

O Código de Ética do Economista tem por objetivo indicar normas de conduta que devem inspirar suas atividades, regulamentando suas relações com a classe, os poderes públicos e a sociedade. Incumbe ao economista conservar e dignificar profissão a que pertence, com seu mais alto título de honra, tendo sempre em vista a elevação moral e profissional da classe, patenteada através de seus atos. Deverá ter sempre em vista a honestidade, a perfeição e o respeito à legislação vigente e resguardar os interesses dos clientes sem prejuízo de sua dignidade profissional.